HumanasBlog


POESIA

Posted in Poesia & Arte por Joaquim Cesário de Mello em junho 26, 2009
Tags: , , ,

 

Ver imagem em tamanho grande

DORMEZ-VOUS…

 

Quando eu estiver velho
velho de não mais voltar
quero ouvir a voz de minha mãe
cantando cantigas em francês
cantigas pra mim ninar.

Quando meus retratos
forem mais desusados do que eu
e de minhas mãos murchadas
não mais brotarem versos como estes
quero o rosto de minha mãe
a me olhar cuidante
no infinito velar do sono final.

Quando nada mais restar
amigos, mulher nem filhos
quero a maciez do colo de minha mãe
na paisagem distante de uma praia deserta
sossegada, serena e calma
ali por onde o tempo não passa
e lá onde vou então poder de vez
virar areia.

Quando estiver velho
velho mas velho mesmo
quero de novo minha mãe
cantando cantigas em francês
cantigas pra mim ninar.

Joaquim Cesário de Mello

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: